Deixe um recado pra mim...

Encontre o que procura...

Google

quinta-feira, 17 de janeiro de 2008

O Morro da Caixa D'Água Velha



Go to ImageShack® to Create your own Slideshow


O Morro da Caixa Dágua Velha, abriga o Museu das Águas, que está sob a guarda da Secretaria da Cultura de Cuiabá.

"Trabalhamos com conceitos de democracia, resgate do patrimônio material e imaterial, e o Museu das Águas integrará o trabalho de sistematização dos Museus do Rio e o da Imagem e do Som de Cuiabá", destacou Mario Olimpio, secretário da Cultura. A obra será entregue com a presença do prefeito Wilson Santos e a arquiteta presidente do IPDU (Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Urbano), Adriana Bussiki Santos.

Os trabalhos de resgate foram possíveis graças à série de pesquisas efetuadas durante anos pela historiadora/jornalista Neila Barreto, que já se prepara para lançar uma obra literária com farto acervo de registro de dados e material fotográfico, focando a trajetória existencial das terras cuiabanas. "Trata-se de um resgate do patrimônio histórico material e imaterial de Cuiabá", destacou Wilson Santos, acrescentando que o local será um lugar de efervescência cultural. O prefeito explica que é o primeiro reservatório de água da cidade, que funcionou de 1882 até o início da década de 50, quando a cidade era toda abastecida por esse reservatório. Dessa época para cá, toda a estrutura ficou abandonada.

A parte interna, onde fica o aqueduto, impressiona os visitantes. Este reservatório comportava 1,2 milhões de litros, suficientes para garantir o abastecimento dos 25 mil moradores de Cuiabá.



História - O pequeno aqueduto de estilo romano, conhecido como Morro da Caixa D’água, foi construído em 1882, no Governo da Província de Mato Grosso pelo então governador José Maria de Alencastro. A caixa d´água recebia água aduzida pela Hidráulica do Porto movida por máquina a vapor. Essa caixa abastecia a população cuiabana de água potável por gravidade. Cuiabá vivenciava, dessa forma, a implantação de um novo sistema de abastecimento de água potável, com canos de ferro fundido embutidos no subsolo, mais precisamente na área central da cidade, marcando assim, a concepção do ambiente urbano do município de Cuiabá. O projeto de revitalização do morro e restauração da caixa d'água irá desenterrar, literalmente, a história da cidade de Cuiabá; transformando essa área em um significativo espaço educacional, cultural e turístico. (com assessoria)

Adaptado de:

http://www.diariodecuiaba.com.br/detalhe.php?cod=298073&edicao=11920&anterior=1


Um comentário:

Renata Emy disse...

Querido,

Vc tinha que ir a noite e no Natal, estava decorado, iluminado, liiindo!

Esses dias atrás passei lah a noite e ainda tava com os enfeites de natal, continuava bonito!

Beijos